segunda-feira , 18 dezembro 2017
Home / Destaque / Procurador preso teve casamento de luxo no Copacabana Palace

Procurador preso teve casamento de luxo no Copacabana Palace

O procurador da República Ângelo Goulart Villela, que está preso, se casou em 2013

O procurador da República Ângelo Goulart Villela, de 36 anos, que foi preso na última quinta-feira pela Polícia Federal (PF), em Brasília, promoveu, em 2013, um casamento cheio de pompas com a também procuradora Ana Luisa Zorzenon, de 35 anos. O evento, que ocorreu no dia 7 setembro, aconteceu no Copacabana Palace, luxuoso hotel em frente à Praia de Copacabana, na Zona Sul do Rio.

Fotos publicadas por parentes e amigos, na época da cerimônia, mostram que o casal não poupou na ornamentação e entretenimento dos convidados, que curtiram como atrações da festa shows do Mc Marcinho e da bateria da escola de samba Mangueira.

Antes da festa começar, o casal trocou as alianças na Igreja de Nossa Senhora do Outeiro da Glória, no bairro da Glória, na Zona Sul da cidade. O espaço foi ornamentado com diferentes flores brancas colocadas em vasos de prata. O próprio vestido da noiva, que havia sido importado de Nova York, refletiu a pompa da cerimônia.

Festa de casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela
Festa de casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela Foto: Facebook / Reprodução
Festa de casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela
Festa de casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela Foto: Facebook / Reprodução
Festa de casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela
Festa de casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela Foto: Facebook / Reprodução

O espaço da festa também recebeu uma decoração sofisticada. Muitas flores e lustres suntuosos serviram para dar o tom do luxo da cerimônia, que contou com velas suspensas como parte da iluminação.

Casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela, que foi preso pela PF, foi no Copacabana Palace
Casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela, que foi preso pela PF, foi no Copacabana Palace Foto: Facebook / Reprodução
Casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela, que foi preso pela PF, foi no Copacabana Palace
Casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela, que foi preso pela PF, foi no Copacabana Palace Foto: Facebook / Reprodução
Casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela, que foi preso pela PF, foi no Copacabana Palace
Casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela, que foi preso pela PF, foi no Copacabana Palace Foto: Facebook / Reprodução
Casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela, que foi preso pela PF, foi no Copacabana Palace
Casamento do procurador da República Ângelo Goulart Villela, que foi preso pela PF, foi no Copacabana Palace Foto: Facebook / Reprodução

Os noivos se esbaldaram com as atrações convidadas para animar a festa.

Procurador que foi preso pela PF e a mulher com o MC Marcinho em show no casamento do casal
Procurador que foi preso pela PF e a mulher com o MC Marcinho em show no casamento do casal Foto: Facebook / Reprodução
Procurador que foi preso pela PF e a mulher com o MC Marcinho em show no casamento do casal
Procurador que foi preso pela PF e a mulher com o MC Marcinho em show no casamento do casal Foto: Facebook / Reprodução
Bateria da Mangueira tocou em casamento de procurador que foi preso pela PF
Bateria da Mangueira tocou em casamento de procurador que foi preso pela PF Foto: Facebook / Reprodução

Além de preso, o procurador foi afastado de suas funções no MPF e exonerado do cargo que ocupava na Procuradoria Geral da República, onde tinha salário de R$ 28.947,55. Em dezembro, além do pagamento mensal, ele ainda recebia uma gratificação natalina, no valor de R$ 14.473,78. O procuradorador também foi desligado da força-tarefa da Operação Greenfield, que apurava desvios em fundos de pensão envolvendo, entre outros, Joesley Batista.

Villela é acusado de tentar atrapalhar a investigação e de passar informações ao empresário. Antes de atuar na Procuradoria-Geral da República, Villela já atuou como procurador estadual em Roraima e na Procuradoria da República no Município de Guarulhos.

Já a mulher de Goulart, Ana Luisa Zorzenon é funcionária do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), que tem como função zelar pelas boas práticas nos Ministérios Públicos em toda a nação.

Veja Também

Criança é mordida por cão contaminado com raiva em Feira de Santana

A cidade de Feira de Santana está em alerta após uma criança ser mordida por ...

%d blogueiros gostam disto: