Pedro Paulo foi preso em Itabuna.Foto divulgação Polícia Civil.

A  Polícia Civil, por intermédio da equipe do Núcleo de Homicídio de Ilhéus, sob a coordenação dos delegados Helder Carvalho e Dra Andreia Oliveira, em conjunto com  policiais civis da 6ª COORPIN de Itabuna,  cumpriram mandado de prisão preventiva expedido pelo juiz Gustavo Henrique Almeida Lyra,  contra Pedro Paulo Falcão Freire,  30 anos, autor do homicídio do trabalhador rural Manoel Novais com golpe de facão e requinte de crueldade com início de esquartejamento na última segunda-feira (20). O crime chocou os ilheenses. 

Pedro Paulo foi localizado no interior de um imóvel em Itabuna na manhã desta quinta-feira (23),   sendo preso e transferido para Ilhéus, e encaminhado para o Presídio Ariston Cardoso.

A vítima era funcionário da roça localizada no distrito Rio do Engenho, de propriedade do pai do homicida. Informações levantadas pelo Blog Agravo dão conta que o pai do homicida faleceu há pouco tempo, deixando débito com a vítima.