quarta-feira , 20 setembro 2017
Home / Destaque / Médica é demitida por suspeita de levar filho adolescente para ajudar em cirurgia

Médica é demitida por suspeita de levar filho adolescente para ajudar em cirurgia

Uma cirurgiã geral foi demitida porque teria levado o filho menor de idade para ajudá-la durante uma operação no Hospital Santa Casa de Misericórdia de Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Imagens postadas pela própria médica nas redes sociais mostram o garoto ao seu lado usando um avental hospitalar e touca, dentro da sala de operações.

(Foto: Reprodução)

Em uma das imagens, ela chega a fazer uma brincadeira e chama o filho de “doutor”. Em outra foto, ele parece ajudar a mãe a manipular um instrumento cirúrgico.

As imagens causaram polêmica e deixaram internautas indignados. O hospital recebeu várias críticas. Em nota divulgada nesta quinta-feira (11), a unidade afirma que “foi aberto procedimento para apuração das responsabilidades de todos os profissionais envolvidos na ocasião”. A médica não foi achada para comentar o caso.

Leia na íntegra a nota:

“A Diretoria da Santa Casa de Misericórdia de Lagoa Santa informa que instaurou uma sindicância, em caráter excepcional, com a finalidade de apurar a divulgação dos fatos ocorridos e dos possíveis responsáveis, em virtude da divulgação de fotos nas redes sociais que sugerem a conduta irregular de ato médico na instituição. Representantes do hospital e do Instituto Laborare – gestora da Santa Casa, já foram designados para constituírem a Comissão de Sindicância instituída, que deverá apresentar o relatório conclusivo aos órgãos responsáveis para as providências cabíveis”.

Garoto aparece mexendo com instrumentos

Veja Também

Caso Garotinho: PF faz buscas na casa de réu investigado por tentar subornar juiz para evitar prisão de ex-governador

RIO – A Polícia Federal (PF) cumpriu, na manhã desta quarta-feira, mandado de busca e ...

%d blogueiros gostam disto: